Arquivos do Blog

Menina de 10 anos é encontrada morta em estábulo na propriedade da família em Palmeira dos Índios

Uma tragédia abalou a comunidade do Povoado Moreira, em Palmeira dos Índios, no interior de Alagoas, na tarde da última segunda-feira (8). Maria Catharina da Silva, de apenas 10 anos, foi encontrada sem vida dentro do estábulo da propriedade da família.

Segundo informações preliminares, a menina estava brincando com o irmão mais novo no local quando ele se feriu e precisou ser levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Palmeira dos Índios pelos pais. Maria Catharina teria ficado sozinha em casa, mas, ao retornarem, a família a encontrou enforcada.

Apesar de ter sido levada à UPA pela família, a menina não resistiu e chegou à unidade já sem vida. O prontuário médico indicou sinais de enforcamento, sulco cervical horizontal, petéquias na face, cianose central e pupilas midriáticas e sem reflexos.

O corpo de Maria Catharina foi recolhido na UPA e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca, onde está passando por necropsia na manhã desta terça-feira (9). O velório da menina acontecerá na casa dos pais, no Povoado Moreira, e o sepultamento está previsto para as 15h no Sítio Lagoa Comprida, na cidade de Igaci.

Embora a causa aparente da morte seja suícídio, a Polícia Civil (PC) instaurou um inquérito para investigar o caso. “Como foi uma morte violenta, vamos apurar o que de fato aconteceu”, disse o chefe de operações da delegacia de Palmeira dos Índios, Diego Martins. “Estamos aguardando o sepultamento e, em seguida, intimaremos os familiares para colher depoimentos”, completou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidades

PREVISÃO DO TEMPO
Publicidade