Homem que mandou assassinar o cunhado no Pará é preso em Centro do Guilherme

Um homem, de identidade não revelada, indiciado como mandante de um crime de homicídio qualificado contra o próprio cunhado, no dia 15 de fevereiro de 2023, no município paraense de Castanhal, foi preso, na manhã desta terça-feira (30), em cumprimento a mandado de prisão preventiva, na cidade de Centro do Guilherme, a 282 km de São Luís.

Segundo as investigações, o preso teria mandado assassinar o próprio cunhado, identificado como Antônio Cláudio Gomes da Silva, que foi morto por disparos de arma de fogo na presença de seu filho, de 6 anos.

Ao ser preso, o investigado apresentou uma identidade falsa, tendo sido encontrados em sua posse, ainda, uma espingarda calibre 20, um revólver calibre 38 e diversas munições de calibres 12 e 38.

Após a prisão, foi apresentado na Delegacia de Polícia de Maracaçumé, onde foi autuado em flagrante pelos crimes de uso de documento falso e posse ilegal de arma de fogo com numeração raspada e de munição.

De acordo com a Polícia Civil do Pará, o preso é considerado de alta periculosidade, suspeito de envolvimento no tráfico ilícito de entorpecentes, bem como de integrar a facção criminosa Comando Vermelho, na qual ocuparia cargo de liderança na cidade de Castanhal, no Pará.

A prisão é fruto de um trabalho integrado entre o Grupo de Resposta Tática (GRT/SEIC) da Polícia Civil maranhense e da Diretoria de Polícia do Interior (DPI) da PC-PA.

O crime

O pintor Antônio Cláudio Gomes da Silva, de idade não revelada, foi assassinado a tiros enquanto dirigia, na tarde do dia 15 de fevereiro de 2023, na passagem do Arame, no bairro Cariri, em Castanhal, no Pará.

As autoridades não sabem dizer o que motivou o crime. Um menino de 6 anos, filho da vítima, estava dentro do veículo e presenciou o assassinato do pai.

De acordo com o relato da ocorrência da Polícia Militar, uma guarnição do 5º Batalhão foi acionada pelo Núcleo Integrado de Operações (Niop) para a ocorrência do crime de execução. Assim que os militares chegaram no local, encontraram Antônio morto no banco do motorista.

A vítima vestia uma regata azul escura, bermuda cinza e um boné vermelho. Ainda segundo a polícia, Antônio estava dentro de um Fiat Palio cinza, de placa OTS-5J42, quando foi assassinado. Após o crime, os assassinos fugiram.

A ação criminosa tem características de acerto de contas ou por encomenda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Arquivos do Blog